Um ato que as vezes fazemos, ou deixamos de fazer, pode ter consequências que não temos (ou temos, mas não ligamos) noção.

Jogar uma garrafa plástica no chão ou uma bituca de cigarro no bueiro é uma coisa errada demais! Aprendemos isso desde pequenos, na escola, as vezes em casa e qualquer pessoa que tem internet ou televisão, vê esse tema em evidência todo dia.

No vídeo acima, a Monster Sports, em parceria com o canal LB Skate decidiu criar uma pequena ação de conscientização quanto ao descarte de embalagens (e qualquer lixo em geral) em local impróprio.

No caso deste vídeo, uma garrafa foi jogada no chão, por querer, e o pessoal ficou aguardando alguém se abaixar e jogar a garrafa no local correto. Infelizmente demorou para uma boa alma realizar o trabalho, mas sejamos positivos, ALGUÉM FEZ! E isso é maravilhoso!

A ideia foi exatamente essa, mostrar que tem muita gente, as vezes não por maldade, mas simplesmente por falta de consciência ambiental, não toma a atitude de descartar as embalagens ou qualquer outro tipo de resíduo no lugar certo.

Em contrapartida, sempre terá alguém que vai se dar ao trabalho de fazer o descarte correto, mesmo que o lixo não seja dele.

O problema maior é que o número de pessoas relapsas ainda é muito grande, se comparado aos que não são. Este texto tem exatamente esta ideia, mostrar que podemos fazer mais e que isso não é nada difícil, não toma nada de tempo e para que seja realizado, basta um pouco de força de vontade.

E quando se faz o descarte incorreto do lixo?

Ilha de lixo no Pacífico - Fonte: Google
Ilha de lixo no Pacífico – Fonte: Google

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, hoje em dia, um terço do lixo doméstico é composto por embalagens. Cerca de 80% das embalagens são descartadas após usadas apenas uma vez! Como nem todas seguem para reciclagem, este volume ajuda a superlotar os aterros e lixões, exigindo novas áreas para depositarmos o lixo que geramos. Isso quando os resíduos seguem mesmo para o depósito de lixo…

Recentemente, foi descoberta uma enorme quantidade de lixo boiando no meio do oceano Pacífico – uma área igual a dois Estados Unidos. Esse grande depósito de entulho se formou com o lixo de tudo que é lugar, sendo reunido devido às correntes marítimas. Acredita-se que lá exista algo em torno de 100 milhões de toneladas de detritos .Uma boa quantidade é composta de embalagens e sacolas plásticas. Estima-se que resíduos plásticos provoquem anualmente a morte de mais de um milhão de aves e de outros 100 mil mamíferos marinhos (Fonte: Revista Istoé).

Para que você tenha mais noção de como o descarte incorreto de lixo tem impacto no meio ambiente, confira só quanto tempo alguns desses materiais demoram para serem “digeridos” pela natureza:

  • Papel: De 3 a 6 meses
  • Tecidos: De 6 meses a 1 ano
  • Metal: Mais de 100 anos
  • Alumínio: Mais de 200 anos
  • Plástico: Mais de 400 anos
  • Vidro: Mais de 1000 anos

Vamos fazer nossa parte!

Este foi só um exemplo, tratando do plástico que chega ao mar. Pensemos agora como é perto de nossa casa, em córregos, lagoas, lagos, rios, ou até no bueiro da rua em que moramos?!

Se cada um fizer a sua parte, o mundo pode se tornar um lugar melhor, e não é porque a pessoa a seu lado não faz, que você não deve fazer.

Um mundo melhor se faz com atitude o bons exemplos, portando, mesmo que devagar, mesmo que pouco, faça sua parte, evolua e pense sempre na Mãe Terra.